Troféu Internacional de Artes Cénicas Finalmente Club

Em nome do Finalmente Club, o mais antigo clube nocturno de Transformismo LGBTQIA (Lésbica, Gay, Bissexual, Transgénero, Queer, Intersexual e Assexual), muito nos honra o facto de ter aceite o convite para a integrar o Júri do Troféu Finalmente – Prémio Internacional de Transformismo e Artes Cénicas.

A comemorar, neste ano de 2016, quatro décadas a Transformar Lisboa, o Finalmente Club procura, com o seu trabalho de Entretenimento e Lazer, mas também enquanto baluarte do exercício de Liberdade de Expressão, articular as várias disciplinas das Artes Cénicas, valorizando o Palco como lugar de transformação, destacando as múltiplas formas de expressão artística, o papel da Arte na Luta pelos Direitos Humanos, particularmente na Luta pelos Direitos das Comunidades LGBTQIA.

É pela a valorização do Transformismo enquanto Arte Cénica e de todas as disciplinas que o vinculam – o Teatro, o Circo, a Música, a Dança, a Cenografia, os Figurinos, etc. – que este prémio internacional se institui, procurando dignificar o Palco mas também as expressões de Liberdade que o Palco permite.

O Troféu Finalmente – Prémio Internacional de Transformismo e Artes Cénicas é um galardão atribuído anualmente, instituído a 01 de Maio deste ano e entregue pela primeira vez a Fernando Santos, Director Artístico do clube e dos mais reputados Transformistas em Portugal – mais conhecido por Deborah Krystall – durante o evento de comemoração dos 40 anos do clube nocturno.

Visa distinguir e homenagear personalidades do mundo das Artes Cénicas do Transformismo e das Artes Cénicas em geral, premiando e destacando o trabalho das mesmas em torno da promoção dos Direitos e Liberdades Individuais, de Identidade, Género e Luta Contra a Discriminação Sexual.

O Troféu Finalmente será entregue a 11 de Novembro, sendo que o Júri deve estar disponível para se reunir no dia 03 de Outubro, às 21H30, no Restaurante Sancho, em Lisboa (Travessa da Glória, junto da Avenida da Liberdade, em Lisboa).

Membros do Júri

Presidente do Júri | José António Marquina (Proprietário do Finalmente Club), arquitecto galego a residir em Lisboa faz mais de uma década, altura em que se tornou o proprietário do, actualmente, mais antigo club de transformismo em Portugal.

Artes Cénicas e do Transformismo | Fernando Santos (Director Artístico do Finalmente), o mais reputado artista transformista português nomeado para um Globo de Ouro (2010) na categoria de Melhor Actor pelo seu desempenho em “Morrer como um Homem” (2009) de João Pedro Rodrigues.

Cultura | Inês de Medeiros (Cineasta e Deputada à Assembleia da República da XI à XIII Legislatura), actualmente Vice-Presidente do Conselho de Administração do INATEL responsável pelo Pelouro da Cultura é reconhecida figura activista na luta das causas Feminista e LGBTQIA. Como realizadora e actriz foi distinguida em diversos festivais nacionais e internacionais, Jornalismo | Fernanda Câncio (Grande Repórter do Diário de Notícias), jornalista distinguida por mais de uma vez com o Prémio Arco-Íris da Associação ILGA Portugal e com o Prémio Ex Aequo da Associação Rede Ex Aequo pela sua reportagem “Não vejo nada de fracturante em mim” (2008, DN).

Município de Lisboa | Carla Madeira (Presidente da Junta de Freguesia da Misericórdia) Música | Maria da Fé (Fadista), proprietária do restaurante e casa de fados Sr. Vinho, referência nacional pelas suas qualidades pessoais, de grande humanismo, solidariedade e profissionalismo. Medalha de Mérito de Cultura (2005), Cruz de Mérito da Cruz Vermelha Portuguesa (2005), Medalha de Ouro da Cidade do Porto (2005), Medalha da Cidade de Lisboa (2009) e Placa Aberta da Sociedade Portuguesa de Autores (2009).

Integram igualmente o corpo de jurados o Produtor do Finalmente, Luís Lobo Alves, e o advogado do respectivo clube, Paulo.

Herman José vence I Troféu Finalmente Club

Polónio Ofélia, põe-te a andar aqui.
— Senhor, se vos apraz, Escondamo-nos.
— Lê aqui neste livro, Que a aparência desse acto possa colorir-te A solidão.
— Muitas vezes somos culpados disto, Em demasia provado, que, com ar de devoção E pios actos, de açúcar recobrimos [travestimos] O próprio diabo.

SHAKESPEARE, William, Hamlet, Acto III, Cena I, a partir da Trad. António M. Feijó, Lisboa, Edições Cotovia, 2006

Na comédia, Shakespeare brinca com as aparências e usa a performance teatral de um modo que serve para confirmar que ‘masculino’ e ‘feminino’ não passam de rótulos compulsórios, performances construídas a partir de normas superficiais e tradicionais jamais questionadas.

Partimos dos ensinamentos de Brecht e da obra de Shakespeare para estabelecer um prémio que não quer ser só “divertido”, quer ser notório.

Ao comemorar 4 décadas a Transformar Lisboa, o Finalmente Club afirma-se, fruto do seu trabalho como baluarte do exercício de Liberdade de Expressão, articulando as várias disciplinas das Artes Cénicas, valorizando o Palco como lugar de transformação, destacando as múltiplas formas de expressão artística, o papel da Arte na Luta pelos Direitos Humanos, particularmente na Luta pelos Direitos das Comunidades LGBTQIA.

O I Troféu Artes Cénicas Finalmente Club distingue e homenageia Herman José, personalidade incontornável no mundo das Artes Cénicas, um Transformador do Palco, do Riso, do Género, da Sociedade e dos seus pré-conceitos.

A 11 de Novembro, a partir das 23H30, na presença do actor e comediante Herman José e dos membros do júri que o nomearam, o Finalmente Club apresenta um espectáculo com Direcção Artística de Fernando Santos, que cruza personagens como “A Pátria”, “A Santa”, “O Quinteto Mocidade Portuguesa”, “As Fadistas” e Lisboa como pano de fundo.

Ao comemorar 4 décadas a Transformar Lisboa, o Finalmente Club afirma-se, fruto do seu trabalho como baluarte do exercício de Liberdade de Expressão, articulando as várias disciplinas das Artes Cénicas, valorizando o Palco como lugar de transformação, destacando as múltiplas formas de expressão artística, o papel da Arte na Luta pelos Direitos Humanos, particularmente na Luta pelos Direitos das Comunidades LGBTQIA.

O I Troféu Artes Cénicas Finalmente Club distingue e homenageia Herman José, personalidade incontornável no mundo das Artes Cénicas, um Transformador do Palco, do Riso, do Género, da Sociedade e dos seus pré-conceitos.

A 11 de Novembro, a partir das 23H30, na presença do actor e comediante Herman José e dos membros do júri que o nomearam, o Finalmente Club apresenta um espectáculo com Direcção Artística de Fernando Santos, que cruza personagens como “A Pátria”, “A Santa”, “O Quinteto Mocidade Portuguesa”, “As Fadistas” e Lisboa como pano de fundo.

Esta é a nossa homenagem à Arte de se ser Livre, mas especialmente este ano, esta é a nossa homenagem e demonstração de gratidão ao Grande Artista Herman José.

Descubra o nosso show
EnglishFrenchGermanPortugueseSpanish